Marcadores

Chupa caca (ou Aspirador Nasal)!

No post de ontem eu contei como foi a experiência com o primeiro resfriadinho do João e finalizei aconselhando as futuras e recentes mamães a terem soro e um aspirador nasal sempre a postos.  

E conforme contei ontem, a saga do final de semana incluiu uma corrida desesperada à farmácia para buscar um aspirador nasal, apesar de já ter um em casa - mais uma das indicações da pediatra na consulta gestante: que comprasse um bem simples e o tivesse sempre à mão. A primeira parte eu fiz direitinho, já a segunda... (Como é que eu ia imaginar que meu pequeno teria um resfriado justo no dia em que estávamos fora de casa? Lembrete: manter sempre um deles na bolsa!)
  
Mas voltando ao que interessa, vamos falar dos aspiradores.
  
O que eu já havia comprado é da marca Lillo. Como fui buscar um novo às pressas numa drogaria em pleno domingo, era de se esperar que não haveria muitas opções, certo? Dito e feito! Eram apenas duas as marcas disponíveis: Lillo - igualzinho ao que tínhamos na gaveta - e Lolly. Optei por comprar o que eu não tinha, dessa forma poderia testar os dois e eleger um favorito. 

E assim foi. O da Lolly, que usamos na hora do sufoco, é menorzinho e tem o bico um pouquinho mais estreito, que se encaixa melhor nas narinas do bebê. Só que o acabamento plano da extremidade dá um medinho de machucar as narinas delicadas do pequeno, que se esquiva de todas a maneiras possíveis para impedir o acesso da geringonça ao seu narizinho - ele de-tes-ta!!! Mas é necessário, então a mamãe insiste bravamente. 

 Aspirador Lolly

Já o da Lillo é um pouco maior e tem o bico mais largo e arredondado. É um pouco mais difícil de acessar as minúsculas narinas, mas como é todo arredondadinho aparenta ser mais confortável - se é que é possível ter algum conforto com um pedaço de plástico sugando seus fluidos nasais... Além do mais, achei a sucção desse modelo mais forte e eficaz que a do outro.

 Aspirador Lillo

Resumo da ópera: dos dois modelos simplesinhos que testei, o eleito foi o da Lillo. Sei que existem outros muito mais sofisticados, mas nesse caso o comum e baratinho cumpriu super bem a sua função.

Essa foi a nossa experiência. Espero que possa ajudar outras mamães!

Alguém aí tem uma história – positiva ou negativa – com esses ou outros modelos do acessório? Conta pra gente!

Imagens: Reprodução