Marcadores

O Chá do João

Semana passada a Mariah, do Blog da Mariah, que está esperando uma menininha, e a irmã dela, a Marina, do Ask Mi, uma das organizadoras do evento, publicaram fotos do Chá de Bebê da Maria Antônia - cliquem nos nomes dos blogs para verem os posts, vale a pena!

Foi “O” Chá de Bebê! Uma festa temática, com direito a decoração inspirada nos anos 20 e convidadas a caráter.

Mas por que estou eu falando disso aqui? Porque me fez lembrar o do João.

Sou meio avessa a convenções, mas quis muito fazer um chá para o meu bebê. Para mim foi o momento de reunir pessoas que fizeram parte da minha vida, algumas que nem tinham me visto grávida ainda e com as quais eu queria compartilhar esse momento tão especial que foi a reta final da espera pela chegada do meu pequeno. Estavam presentes desde a minha babá - que eu não via havia anos - passando por amigas da minha mãe e da minha sogra, familiares e, claro, as minhas amigas.

Como reuni mulheres de diversas faixas etárias e diferentes círculos de amizades, tentei criar um clima intimista com um café colonial. Uma mesa bem servida com comidinhas simples e muito gostosas: bolos, pãezinhos, pães de queijo, sucos – industrializados e naturais - café, refrigerantes, petit fours, num ambiente bem descontraído. O evento foi realizado à tarde, numa chácara (a mesma do batizado – quem não viu, clica aqui) e se estendeu até o início da noite.
  



 Os petit fours foram servidos em fraldinhas feitas com guardanapos coloridos. As convidadas podiam degustá-los durante o chá ou levá-los para casa.

Não teve brincadeiras, adivinhações e pintura da mamãe, pois não sou muito fã dessas modalidades de interação. Afinal, já não tinha como deixar de ser o centro das atenções com aquele tamanho de barriga... rs...

Quem idealizou o tipo de festa e o que seria servido fui eu, mas como o chá foi na minha cidade e estou longe, as vovós se encarregaram de quase tudo, com uma ajudinha das minhas irmãs. Fiquei muito satisfeita com a minha escolha.

Quem tiver a curiosidade de olhar os links que eu coloquei no início do post vai perceber que os chás foram dois extremos: um foi uma mega produção e o outro um evento muito simples. O que eles tiveram em comum? Respeitaram os estilos e escolhas das gestantes e foram momentos especiais e inesquecíveis para ambas!

Dica de coração para as futuras mamães: façam um Chá - ou café, brunch, almoço, de fralda, de bebê, só com mulheres, com participação dos homens, com ou sem brincadeiras, etc... – seguindo exatamente o seu estilo de vida e a sua vontade. É um dos – senão O – últimos momentos de descontração reunindo muitas das pessoas queridas antes da chegada do novo integrante da família.

Encontro de barrigas: últimos momentos do João (recebendo um carinho da tia Vivi!) e do priminho Henrique antes de se conhecerem “cara a cara”, rsrsrs...


PS: Meu único arrependimento foi não ter contratado um fotógrafo para registrar o momento. Tenho poucas fotos boas da ocasião, feitas pelas minhas fotógrafas especiais Cleusa, Millena, Mirella e Lívia.